Semana da Criança

Museu Regional comemora Semana da Criança

Oficina de musicalização, teatro de mesa, intervenção de palhaçaria e uma visita mediada pelo Centro Histórico de São João del-Rei.

publicado: 03/10/2019 10h09, última modificação: 03/10/2019 16h05

Serão cinco dias de atividades para o público infanto-juvenil.

O Museu Regional promove, entre os dias 7 e 11 de outubro, a Semana da Criança. São quatro diferentes atividades ao longo de cinco dias: oficina de musicalização, teatro de mesa, intervenção de palhaçaria e uma visita mediada pelo Centro Histórico de São João del-Rei.

Na segunda-feira (07), às 10h, a atriz e arte-educadora Milena Lopes oferece a Oficina de Musicalização para Crianças. Com instrumentos não-convencionais e muita interação com o público, a oficina acontece no museu e trabalha a criatividade das crianças através de canções e melodias.

Milena também apresenta, na terça-feira (08), um Teatro de Mesa para alunos da Escola Caminho do Sol. A peça, que utiliza de objetos do dia a dia para desenvolver a narrativa, será apresentada no museu a partir das 10h.

Nos dias 9 e 10, a equipe do Setor Educativo do museu promove uma visita mediada pelo Centro Histórico da cidade. A caminhada deve passar por quatro locais (Largo Tamandaré, Rua Santo Antônio, Pelourinho e Igreja do Carmo) e a mediação tem como foco a história de São João del-Rei e de seus monumentos. São quatro caminhadas, com turmas previamente inscritas e os mediadores pretendem adaptar a apresentação de acordo com a idade do público.

Encerrando a semana, os atores Filipe e Paolla Andrade promovem uma intervenção de palhaçaria na Escola Estadual Evandro Ávila, no Distrito do Rio das Mortes. Na sexta-feira (11), a partir das 13h, os alunos poderão interagir e brincar com os palhaços Pippo e Montanha, com atividades lúdicas e voltadas à temática do patrimônio.

A Semana da Criança é um evento tradicional do Museu, realizado próximo ao dia 12 de outubro. Nestas datas, todas as atividades do museu são voltadas para o público infantil e a intenção é promover a educação patrimonial com linguagem acessível para os mais novos, através de brincadeiras, apresentações lúdicas e outras atividades do gênero.